Login | Registar


Resultados por Página:
10 20 50 100

Reino Unido disponibiliza milhões para dar ''energia limpa'' a moçambicanos

O projeto, denominado 'Brilho', tem "como base inicial 30 locais nas províncias de Cabo Delgado, Niassa, Nampula,Tete e Manica", disse o vice-ministro da Energia e Recursos Minerais, Augusto Sousa.

O governante falava hoje em Maputo na cerimónia de lançamento do programa, que conta com apoio do Governo britânico.

O programa visa o aumento do acesso à energia renovável, incentivando empresas locais e população a optar por sistemas solares.

O vice-ministro explicou que, ainda que a rede elétrica continue a expandir-se no futuro, uma parte do território moçambicano continuará sem acesso direto a eletricidade devido às dificuldades de expansão das infraestruturas.

"Temos de apostar nos sistemas de fornecimento de energia através de sistemas isolados com incidência para as zonas rurais, onde a energia elétrica é tão vital como em qualquer ponto do nosso país", afirmou.

O programa será implementado em cinco anos por um consórcio liderado pela SNV, organização holandesa de desenvolvimento que vai trabalhar em colaboração do Fundo Nacional de Energia.

O programa resulta da parceria entre os governos britânico e moçambicano para o alcance das metas do Compacto da Energy Africa Moçambique, assinado em 2017.

 

Em 2018, Moçambique lançou o Programa Nacional de Energia para todos para o cumprimento do sétimo objetivo do desenvolvimento sustentável, que visa dar energia a toda a população até 2030.

noticiasaominuto.com